Primeira Página

Edições Publicadas


Expediente
Nota aos colaboradores
Índice dos volumes
 
  BUSCA na Revista
consulta avançada
 
  Créditos
  Editora PUC-Rio
  Entre em contato

 Powered by Publique!
Revista Comunicação, Cultura e Política

ISSN 1518-8728 (Impresso)

ISSN 2175-7402 (On-line)

PUC-Rio
Voltar
Alceu 16

Uma crítica à crítica da economia política do signo: um resgate do “valor de uso” inspirado na segunda filosofia de Ludwig Wittgenstein
Por: André Luiz M. de Souza Leão e Sérgio C. Benício de Mello


Resumo
Frente à importância do conceito de valor na forma como as organizações realizam suas transações de mercado, este ensaio teórico vai além do conceito conforme definido pelo marketing e volta à sua gênese na economia política e às críticas encampadas primeiramente por Marx e ulteriormente por Baudrillard. O objetivo é o de uma reflexão crítica sobre o valor. Para tal, além das críticas de Marx e Baudrillard, apoiamo-nos na visão dialética entre a vida cotidiana e o sistema, conforme pensada por Debord, chegando a um mundo bidimensional, em que sistema e cotidiano convivem interligadamente. A tese proposta baseia-se numa crítica à crítica da economia política do signo encampada por Baudrillard, em que o valor de uso é resgatado no plano do consumo simbólico (de signos). Tal resgate só é possível graças à assunção feita da segunda filosofia de Wittgenstein, que coloca a significação no plano da linguagem em uso, por meio de sua renomada noção de “jogos de linguagem”.

Palavras-chave
Valor de uso; Consumo; Linguagem.


Abstract
A Critic to the Critic of the Political Economy of the Sign:
A Rescue of “Use Value” Inspired on Ludwig Wittgenstein’s Second Philosophy
In spite of the importance of the concept of value in the way organizations undertake their market transactions, this essay goes beyond its definition by marketing and returns to its genesis in the political economy and to the critics firstly proposed by Marx and later by Baudrillard. Thus, the objective of this essay is a critical reflection on value. For such, besides Marx’s and Baudrillard’s critics, we leaned upon on a dialectic vision between everyday life and system, as thought by Debord, arriving at a two-dimensional world, where system and everyday life live together. The proposed thesis is based on a critic to the critic of the political economy of the sign proposed by Baudrillard, in which the “use value” is rescued in the plan of symbolic consumption. Such proposition is based on Wittgenstein’s second philosophy, which puts signification in the plan of language in use, through his renowned notion of “language games”.

Key-words
Use value; Consumption; Language.



Uma crítica à crítica da economia política do signo: um resgate do “valor de uso” inspirado na segunda filosofia de Ludwig Wittgenstein




Caso não tenha instalado em seu navegador o plugin do "Acrobat Reader", necessário à visualização de arquivos de formato .PDF, faça o download gratuíto. Faça o download clicando aqui!

Versão para impressão:

:: Outras matérias ::
anterior < Uma aproximação entre a pedagogia crítica da mídia e a teoria das mediações
próxima > Disfunção erétil: comunicação e significação

^ Topo

» Primeira Página » Expediente  » Nota aos colaboradores  » Índice dos volumes   » Entre em contato

Powered by Publique!