Primeira Página

Edições Publicadas


Expediente
Nota aos colaboradores
Índice dos volumes
 
  BUSCA na Revista
consulta avançada
 
  Créditos
  Editora PUC-Rio
  Entre em contato

 Powered by Publique!
Revista Comunicação, Cultura e Política

ISSN 1518-8728 (Impresso)

ISSN 2175-7402 (On-line)

PUC-Rio
Voltar
Alceu 32

Uma derrota para se guardar na memória? Um estudo das narrativas jornalísticas sobre o 7 a 1 da Copa de 2014
Por: Ronaldo Helal e Fábio Aguiar Lisboa

Resumo
O presente trabalho se volta para a atuação da memória em narrativas jornalísticas, neste caso as que tratam da derrota de 7 a 1 da seleção brasileira para a Alemanha em partida válida pela semifinal da Copa de 2014. O objetivo será identificar narrativas de episódios do passado acionadas nesta oportunidade, bem como especular sobre quais narrativas desta derrota provavelmente passarão a ser parte das memórias que futuramente serão acionadas quando se falar deste jogo e do Mundial de 2014.

Palavras-chave
Copa. Memória. Esporte. Imprensa. Narrativa.

Abstract
This paper focuses on the role of the memory in journalistic narratives, in this case the memories of the defeat of 7 to 1 of the Brazilian team to Germany in a match valid for the World Cup semifinal of 2014. The aim is to identify narratives of past episodes that were used in this opportunity, as well as to speculate which narratives of this match will probably be part of the future memories that will be triggered when talking about this game and about the 2014 World Cup.

Keywords
Cup. Memory. Sport. Media. Narrative.


Uma derrota para se guardar na memória? Um estudo das narrativas jornalísticas sobre o 7 a 1 da Copa de 2014




Caso não tenha instalado em seu navegador o plugin do "Acrobat Reader", necessário à visualização de arquivos de formato .PDF, faça o download gratuíto. Faça o download clicando aqui!

Versão para impressão:

:: Outras matérias ::
anterior < Quando Sancho Pança vira Dom Quixote - A invenção da Silésia no filme Angelus de Lech Majewski
próxima > O olhar estrangeiro sobre a cerimônia de abertura da Copa da FIFA de 2014 no Brasil: o entendimento das marcas culturais e identitárias brasileiras

^ Topo

» Primeira Página » Expediente  » Nota aos colaboradores  » Índice dos volumes   » Entre em contato

Powered by Publique!