Formación ciudadana en la democracia

análisis del efecto de los medios de comunicación en la generación de conocimiento político en los pre-ciudadanos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46391/ALCEU.v17.ed34.2017.142

Palavras-chave:

Formação cidadã, Meios de comunicação, Pré-cidadãos, Informação política, Efeitos da comunicação

Resumo

O presente estudo tem como objetivo analisar o impacto do consumo de meios de comunicação na formação do conhecimento político, elemento necessário para a formação da cidadania. Em especial, refere-se àqueles sujeitos que ainda se encontram na etapa formativa, denominados pré-cidadãos por não serem ainda maiores de idade. Referenciando-se no processo eleitoral presidencial mexicano de 2012, realizou-se um estudo misto. Na fase quantitativa aplicou-se um questionário a 1030 estudantes do ensino médio de instituições públicas e privadas. No que se refere ao estudo qualitativo, utilizaram-se grupos focais com a finalidade de captar a percepção dos jovens respeito aos meios de comunicação e os seus usos como fonte de informação política. A principal descoberta evidencia que, ao contrário do que foi proposto teoricamente, o conhecimento político não é gerado somente mediante a atenção posta sobre conteúdo político. A formação de conhecimento político no segmento estudado ocorre também mediante o processo de atenção centrado em conteúdo de entretenimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Muñiz Muriel, Universidad Autónoma de Nuevo Leon

Degree in Audiovisual Communication (2000) and a PhD in Communication (2007) from the Universidad de Salamanca (Spain). He is currently Professor at the Faculty of Political Sciences and International Relations of the Universidad Autónoma de Nuevo Leon (Mexico), where is Coordinator of the Political Communication Laboratory (LACOP) and leader of the Research Group of Political Communication, Public Opinion and Social Capital. Member of the National System of Researchers of Mexico since 2010, recognized by CONACYT as level II.

Felipe de Jesús Marañón, Universidad Autónoma de Nuevo León

Doctor en Filosofía con orientación en Ciencia Política por la Facultad de Ciencias Políticas y Relaciones Internacionales de la UANL. Cuenta con una Licenciatura en Mercadotecnia y Maestría en Ciencias con especialidad en Comunicación por el Instituto Tecnológico y de Estudios Superiores de Monterrey, Campus Monterrey; Profesor titular de tiempo completo, Perfil PRODEP y miembro del SNI nivel 1. Investigador asociado del Laboratorio de Comunicación Política y Coordinador de Cuerpos Académicos y convocatorias. Líneas de investigación: mercadotecnia política, comunicación política y generación de estereotipos.

Publicado

2017-06-10

Edição

Seção

Dossiê Wapor